Páginas

6.9.11

New Copper Wire


Quando voltei do Japão, uma das coisas de que mais senti falta, entre muitas, foi de poder aramar com cobre. Na verdade, na grande maioria do tempo que lá estive trabalhei com este tipo de arame (ao ponto de ficar com calos nos dedos... lol) e foi a constante falta que sentia deste nobre material que me "empurrou" para mais esta aventura.
O cobre, é utilizado no bonsai maioritariamente no trabalho com coníferas. Distingue-se do alumínio principalmente por ser mais forte e é esta diferença que faz com que seja tão desejado. Primeiro, porque nos permite usar calibres bastante mais finos (menos do que a metade do que usamos em alumínio), o que torna o trabalho muito mais "limpo" dando a sensação que existe muito menos arame na árvore. Depois, porque "não tem memória". Quando manipulado nos ramos tem tendência a ficar mais rijo e por isso "esquece" a posição original e fixa muito melhor o trabalho no sítio (em espécies muito "elásticas" como os juniperus faz toda a diferença ;) ). Finalmente, porque com a exposição ao ar e à água (da chuva, das regas...) oxida, dando-lhe um aspecto muito mais natural.
Mas voltando à história... Quando voltei, este assunto começou a andar às voltas na minha cabeça. É que não é assim tão fácil ter arame de cobre para trabalhar.
Primeiro, porque aqui na Europa é excessivamente caro. Claro que é um metal nobre e por isso tem mais valor, mas a diferença é tão grande que a opção alumínio é quase inevitável. Claro que existe um motivo para estes valores... a maioria do arame vem do Japão. Transportes, taxas, impostos... fica mais caro. Também porque é um risco armazenar grandes quantidades por muito tempo. O arame pode ir perdendo propriedades... menos quantidade, mais caro... enfim, economia de escala ;) Depois também as quantidades por cada medida. Em arame mais grosso 1Kg é bom mas em arame mais fino é muito. Para quem não tem assim tantas árvores, torna-se muito caro comprar várias medidas.
Então vem a pergunta: "Porque não comprar arame de cobre normal?" (ou como se vê por vezes "Vou ali descarnar uns cabos eléctricos e já está!" lol). Porque este arame usado em bonsai não é "normal". O cobre tem que ser recozido, ou "queimado" como se diz muitas vezes, para que tenha a maleabilidade certa para trabalhar. "Então queima-se! Vai para a lareira!". Pois... não é bem assim... é que o difícil mesmo é conseguir recozer o arame nas condições certas e todo por igual. O método "lareira" falha uma boa parte das vezes, deixando um monte de arame torto e quebradiço.
Pois foi a pensar nisto tudo que decidi aprofundar a questão. Estudar os métodos, fazer muitos testes. E por fim, chegar a um resultado muito idêntico ao do produto que conheci tão bem no Japão, nas medidas e quantidades que precisava, e por um valor "justo" comparado com o alumínio.
E é esse cobre que passo a ter disponível para todos os interessados. É só mandar-me um mail para jpires007@gmail.com com o pedido.


Notas:
- Para manter as suas propriedades por mais tempo, o cobre é recozido no momento do pedido.
- As medidas apresentadas são as existentes. A sua disponibilidade será confirmada no momento do pedido.
- Existem medidas acima de 3.0mm. Por serem pouco usadas não estão apresentadas. Caso haja interesse é só mandar um mail para mais informações.
- O pagamento e a entrega serão combinados no momento do pedido.

13 comentários:

Carpácio disse...

Ola Joao,

Fico feliz por finalmente ver este projecto andar para a frente :) acho que é uma excelente oportunidade para todos os bonsaistas portugueses (e nao só) de terem a oportunidade de acederem a cobre bom e barato :)

Parabens Joao pela tua iniciativa, espero que a comunidade adira a esta oportunidade para que todos possamos ir tendo acesso a este material.

Abraco,
David

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Luís Cunha disse...

OLá João !

Muito boa iniciativa =) Bom para todos nós que gostamos de bonsai, Obrigado pela disponibilidade ;)

E não ligues a pessoas mal intencionadas e de fraco caracter, que se escondem a si e aos seus estúpidos comentários, atrás de um anonimato patético ;)

Grande abraço e continua !!

João Pires disse...

Olá David e Luis,
Obrigado pelas palavras de incentivo ;)

Anónimo,
Para responder ao teu comentário maldoso teria que saber quem tu és. Este blog, não é um espaço para esse tipo de "jogos" mal intencionados. Por isso o teu comentário foi apagado.

Gustavo Pessoa Duarte disse...

Olá João,

Muito apetecível... Vou te dar uma ligadela!

Abraço,

Gus

Márcio Meruje disse...

Count me in !! :) É assim mesmo .

É assim , com estas simbioses, que o bonsai em Portugal pode evoluir .

E muito mais haveria para dizer mas isso, isso só com uma cerveja frequinha e um grupo de amigos ;)

Tenho dito!! :D

Abraço,

Miguel Loureiro disse...

Boa João...

É assim mesmo fazer o que se sabe de melhor... Já tínhamos falado disso... Fico feliz por mais este passo...

Alguém por aqui ofereceu umas bejecas... Tá dito tá dito...

Em Outubro estamos aí...

Abraço e até ao meu regresso...

Miguel

Mário Eusébio disse...

Viva João!

Boa,o cobre é um material muito diferente do aluminio, conforme disseste!

Eu por acaso tenho já um bom stock de várias medidas, mas acho que disponibilizas o arame a um preço bom!

Boa sorte e o maior sucesso!

Mário Eusébio

João Pires disse...

Olá Amigos,
Gustavo, Márcio, Miguel e Mário,
Obrigado pelas palavras ;)
Parece que anda aí uma proposta em formato de oferta de umas bejecas... parece-me uma boa ideia :)
A ver se combinamos!
Abr.
João

Pedro G C Almeida disse...

Olá João,

Parece-me um excelente preço, muito melhor do que se vê na Europa para arame de cobre importado do Japão. Assim que o meu stock acabar vou contactar-te. :)

Um abraço,
Pedro

Gustavo Pessoa Duarte disse...

Olá João,

Só para agradecer. A qualidade é deveras muito boa. Espero que continues a investir porque eu vou ser um "Regular"!

Abraço,

Gus

Miguel Loureiro disse...

Boas...

Espectáculo o arame... Realmente aramar com cobre ainda por cima desta qualidade não tem nada a ver...

Estou fan...

Obrigado João pelo muito que tenho aprendido contigo...

Abraço,

Miguel

Nuno Encarnação disse...

Viva, João!

Ainda tens deste arame disponível?

Abraço,
Nuno